Casais que se embebedam juntos são mais felizes e tendem a ficar juntos mais tempo, diz estudo



Bem, beber pode não ser uma atividade de lazer saudável, mas um novo estudo descobriu que os casais que bebem juntos são mais felizes e tendem a ficar juntos!

O estudo publicado em The Journals of Gerontology buscou estudar a conexão entre a qualidade conjugal e os padrões de consumo, especialmente entre os casais mais velhos.

A pesquisa descobriu que os casais que bebiam em concordância tinham melhorado a qualidade conjugal ao longo do tempo, particularmente entre as esposas.

Isto é, se a mulher e o marido bebem com moderação, ambos são felizes. E se apenas o marido ou a esposa bebem, então ele ou ela é menos feliz.



Obviamente, como estamos falando do consumo de álcool, a quantidade consumida é essencial.

No entanto, ao olhar para a qualidade conjugal, as descobertas do estudo enfatizaram a importância do estado e a razão da bebida, isto é: por que você está bebendo, onde está bebendo e quando está bebendo, em vez de se concentrar na quantidade de álcool consumida.

Em palavras simples, apenas uma bebida juntos é suficiente para a sua felicidade como marido-esposa – ou seja: não é preciso entornar a garrafa inteira.



No entanto, o estudo diz que o álcool só deve ser consumido de forma responsável, uma vez virar alcoólatras juntos não deve ser a meta de nenhum casal.

O estudo foi realizado entre 4864 participantes mistos que foram casados ​​por uma média de três décadas.

O objetivo do estudo não é encorajar as pessoas a beberem ou mudarem a maneira de beber, mas simplesmente afirma que os casais que passam mais tempo fazendo atividades de lazer juntos têm uma vida marital melhor.

FONTE